Destinos


Informações importantes

 

Durante o período de COVID-19, poderá ser negada a entrada a passageiros de ou com passagem em Países com forte presença do surto.

Deverá consultar a lista de Países aqui.

 

Se vai viajar para um país da União Europeia utilizando como documento de viagem o seu Bilhete de Identidade/ Cartão de Cidadão, verifique se o mesmo se encontra válido. Verifique se dispõe de passaporte válido. Alguns países exigem um prazo de validade que poderá ir até 6 meses após a viagem. Transporte sempre consigo a receita médica dos medicamentos que esteja a tomar. 


Notas Importantes sobre os destinos


Brasil


Documentos: Apresentar passaporte com validade igual ou superior a 6 meses.


Saúde: Devido ao elevado número de casos de febre amarela recentemente registados em alguns Estados do Brasil sobretudo Minas Gerais, S. Paulo , Espírito Santo, Rio de Janeiro e Baía, recomenda-se aos viajantes que se desloquem a este país, antes de embarcar, que se  assegurem que estão devidamente vacinados contra a febre amarela.


Desde maio de 2018 que a OMS recomenda a vacinação contra a doença a todos os viajantes internacionais, de idade superior a 9 meses, com destino ao Brasil.

Dado o risco acrescido de febre amarela para cidadãos portugueses que viajem para o Brasil, a Direção-Geral da Saúde recomenda:

  1. A marcação de Consulta do Viajante ou com o Médico Assistente, pelo menos 4 semanas antes da partida;
  2. A vacinação contra a Febre Amarela, pelo menos 10 dias antes da partida, para quem nunca foi vacinado, (uma única dose da vacina é suficiente para conferir imunidade sustentada e proteção para toda a vida);
  3. A adoção das seguintes medidas de proteção individual contra a picada de mosquitos
  4. Aplicação de repelentes, de acordo com as instruções do fabricante. Se tiver de utilizar protetor solar e repelente, deverá aplicar primeiro o protetor solar e depois aplicar o repelente;
  5. Proteção das crianças (carrinhos de bebé, berços e alcofas com redes mosquiteiras);
  6. Utilização de redes mosquiteiras:
    1. Sobre a cama, entaladas no colchão, depois de verificar que não há nenhum mosquito no seu interior e de confirmar se a rede não está rasgada;
    2. Mesmo durante o dia em janelas, portais e beirais;
  7. Opção por alojamento com ar condicionado;
  8. Utilização de vestuário largo que cubra a maior área corporal possível, de forma a diminuir a exposição corporal à picada (camisas de manga comprida, calças e calçado fechado).


Os viajantes que, até 12 dias após o regresso, apresentem sintomas sugestivos da doença (febre, calafrios, dores de cabeça intensas, dores musculares, fadiga, náuseas e vómitos), devem contactar o SNS 24(808 24 24 24 – http://sns24gov.pt/ ou consultar o medico, referindo a viagem recente.

Para mais informações, contacte os serviços da Consulta do Viajante ou o Médico Assistente.

Antes de viajar, informe-se sobre a evolução da situação no Brasil, disponível em: http://portalsaude.saude.gov.br

 

Taxas locais: Taxa de Turismo (varia de R$ 1,50 a R$ 3,50) por quarto e por noite, valores indicativos.

A vila de Jericoacoara, no estado brasileiro do Ceará, cobra uma taxa de turismo sustentável de R$ 5, cerca de 1,30€, por cada dia de permanência. A cobrança será feita à entrada na Vila de Jericoacoara. Valor poderá alterar sem aviso prévio.

O Morro de São Paulo, no estado brasileiro da Bahia natural, cobra uma taxa turística de R$ 15, cerca de 3,9€, por pessoa, à chegada. Valor poderá alterar sem aviso prévio.

Fernando Noronha, no estado brasileiro de Pernambuco, cobra uma taxa de preservação de R$ 69, cerca de 18€, por pessoa e por cada dia de estada, a pagar localmente. Valor poderá alterar sem aviso prévio.

 

Cabo Verde


Documentos: Passaporte (validade mínima de 6 meses), Visto e TSA.


Visto: A partir de 01 de Janeiro de 2019, existe dispensa de visto para todos os países da Comunidade Europeia, Noruega, Mónaco, Lichetenstein, San Marino, Islândia e Suiça. O que define a dispensa de visto é o país emissor do passaporte.

A partir de 22 de Fevereiro de 2020, os titulares de passaportes emitidos pelo Brasil, Canadá e Estados Unidos da América beneficiam de isenção de visto de entrada no território nacional, para permanências até 30 dias.


TSA:  A partir de 01 de Janeiro de 2019, passa a ser cobrado a todos os passageiros maiores de 2 anos, a Taxa de Segurança Aeroportuária (TSA). O valor da TSA é de 3400 Escudos ou 30,83€. A Soltrópico passa a incluir assim, apartir desta data, a TSA, nos seus pacotes para Cabo Verde e tratará da obtenção da TSA para os clientes. Para a obtenção atempada da TSA, a agência de viagens deverá introduzir os dados de passaporte na reserva até 6 dias antes da data de partida. A Soltrópico não se responsabiliza por dados de passaporte mal inseridos. Caso o prazo acima referido não seja cumprido, a Soltrópico declina qualquer responsabilidade na obtenção TSA.


Taxas locais: A partir de 01 de Maio 2013 passaram a ser cobrados no destino 2€ por pessoa e por noite até um máximo de 10 noites de estada. Este valor será pago por todos os turistas com idade superior a 15 anos directamente no hotel.


Clima: A temperatura do ar média anual raramente se eleva acima de 25ºC e nunca desce abaixo dos 20ºC, variando entre 20ºC a 31ºC e a do mar entre 21ºC em Fevereiro e 25ºC em Setembro. O clima é quente e seco durante a maior parte do ano, podendo-se observar duas estações: uma seca e menos quente de Novembro a Julho; outra húmida, mas de temperaturas mais elevadas, de Agosto a Outubro. A estação mais seca, é caracterizada por ventos constantes. A chamada "bruma seca", trazida pelo vento harmatão das areias do Saara, pode chegar a provocar a interrupção dos serviços nos aeroportos.



Egito


Documentos: Passaporte com validade igual ou superior a 6 meses. Os vistos de entrada são obrigatórios para todos os viajantes. O visto irá estar incluído na programação Egito, para quem reservar em www.soltropico.pt. O mesmo será entregue ao cliente, quando este chegar ao destino. Para quem chegar ao destino sem visto, é possível obter à chegada, na fronteira, por um montante de aprox. 25USD. Este é o método mais simples, apesar da eventual demora com os procedimentos à chegada. Desde Janeiro de 2018, é também possível obter o visto antes da chegada, através de uma plataforma eletrónica www.visa2egypt.gov.eg. O pedido deve ser efectuado com uma antecedência mínima de 7 dias.


Cuidados de Saúde: Recomenda-se um seguro de viagem que cubra despesas medidas e de repatriação. A vacina contra a difteria/polio/tétano é altamente recomendável, aconselhando-se igualmente para a hepatite A e febre tifoide.


Clima: Muito quente no Verão (Junho a Setembro), ultrapassando frequentemente os 40ªC. No Inverno (Outubro a Maio) o clima é temperado.


Gratificações: São obrigatórias e serão pagas localmente ao guia. Para estadias no Cairo, Hurghada e Sharm el Sheikh tem um custo de 5€, por pessoa, local. No caso de Cruzeiro pelo Rio Nilo o custo será de 30€ por pessoa.

 


Emirados Árabes Unidos


Documentos: De acordo com a lei dos Emirados Árabes Unidos para a reserva ser válida em qualquer hotel deverá pelo menos constar um adulto (21 anos ou mais) por quarto. Apresentar passaporte com validade igual ou superior a 6 meses. Não serão aceites passaportes temporários.


Visto: É concedido gratuitamente à chegada por um total de 90 dias.


Taxas locais:  Existe uma taxa governamental a pagar localmente no hotel, no momento do check out, dependente da categoria do hotel. Preços indicativos da taxa, por quarto por noite: 

Hotéis 3* e 4* - 4,09 usd; Hotéis 5* - 5,46 usd.


Clima: Clima desértico e bastante húmido no verão. De Outubro a Abril a temperatura média ronda os 25ºC. Entre Maio e Setembro as temperaturas oscilam entre os 35ºe os 45ºC.


Transporte de medicamentos: Caso algum cliente esteja atualmente a tomar alguma medicação e tenha que transportá-la para os Emirados, o Governo de Dubai implementou um procedimento que deve ser seguido rigorosamente.

Documentos exigidos

  1. Receita emitida pelo médico (em INGLÊS).
  2. Relatório médico aprovado pela entidade local de Saúde.
  3. Cópia do passaporte do passageiro.

Procedimentos e Etapas

  1. O cliente tem que acessar o site abaixo e preencher um formulário online, e enviar o mesmo junto com os documentos mencionados acima. Todo o envio é feito online e de forma imediata.
  2. O funcionário do Departamento de Drogas/ Medicamentos irá examinar o pedido enviado online.
  3. O Departamento de Drogas emitirá a aprovação e o cliente poderá acompanhar o pedido online.
  4. A aprovação será entregue ao cliente.

 


Indonésia


Documentos: Apresentar passaporte com validade igual ou superior a 6 meses. Desde finais de Setembro de 2015, os cidadãos passaram a beneficiar de isenção de visto de entrada na Indonésia, que anteriormente era solicitado e pago à entrada no país, desde que: a entrada ocorra por um dos cinco aeroportos principais da Indonésia ou nove portos de mar. Este tipo de visto é válido por 30 dias (não prorrogável), para fins de turismo. Não são aceites á entrada da Indonésia passaportes temporários a excepção será, caso estes, já tenham o visto tratado antecipadamente.


Clima: quente e húmido, com temperaturas na ordem dos 28°-35°C ao longo de todo o ano. Estação seca entre Julho e Setembro e estação das chuvas entre Dezembro e Março (700mm de média de pluviosidade).

 


Maldivas


Documentos: Apresentar passaporte com validade igual ou superior a 6 meses.


Visto: O visto turístico é obtido à chegada e tem a duração de 30 dias.


Taxas locais: USD 7.00 (aproximadamente 5.50€) para todos os passageiros no regresso das Maldivas.

As autoridades das Maldivas OBRIGAM a apresentação de passaporte electrónico.


Clima: Clima equatorial, com temperaturas médias elevadas, podendo existir períodos de chuvas frequentes.

No dia 5 de Fevereiro de 2018, o governo da Maldivas declarou estado de emergência; Devido à situação de instabilidade política e crise instutucional que está a viver aquele país, recomenda-se cautela e evitar zonas onde possa haver manifestações e concentrações de pessoas, em especial na capital, Malé.

 


Marrocos


Documentos: A apresentação de passaporte válido é obrigatória, incluindo para viagens de grupos organizados. 


Recomendações de Saúde para Saïdia: Para viajar uma grávida terá de completar um termo de responsabilidade que é facultado pelo Transportador ou Agente de Handling no momento do registo para embarque. Não é obrigatório um certificado médico para realizar a viagem até às 36 semanas de gravidez, no entanto, é aconselhável que a grávida se faça acompanhar por uma declaração médica atestando que está em condições para viajar. A partir das 36 semanas e até 7 dias antes da data prevista para o parto só poderá viajar se apresentar declaração médica emitida dentro dos 7 dias anteriores à data prevista da viagem (mencionando o número de semanas de gestação, a evolução da gravidez e a data prevista para o parto).


Clima: Clima temperado mediterrânico no Norte e Centro (Norte mais fresco e húmido); semi-árido e desértico no Sul. As temperaturas são mais frescas nas montanhas do Rif, no Médio Atlas (ski em Michliffen) e no Alto Atlas (ski em Oukaimeden). No Inverno existem eventuais riscos de inundação em Tânger, na região de Casablanca e em alguns vales da cadeia do Atlas.

Poderá existir actividade sísmica, concentrando-se no litoral, em especial nas regiões de Agadir e do Norte de Marrocos.

Sem prévia autorização, não é possível entrar no território marroquino com qualquer tipo de drone, ainda que meramente recreativo. 



Maurícias


Documentos: Apresentar passaporte com validade igual ou superior a 6 meses.

Não é exigido visto para períodos de estadia inferiores a 2 semanas.


Clima: Tropical. Inverno: ameno e seco (Junho a Setembro)Verão: época das chuvas, húmido e quente (Outubro a Maio).

 


Quénia


Documentos: Apresentar passaporte com validade igual ou superior a 6 meses.


Visto: O visto é obrigatório, pode ser obtido à chegada e tem os custo de USD 50,00 p.pessoa ou requerido  online em www.ecitizen.go.ke. Neste caso aconselha-se a realização do requerimento com pelo menos cinco dias úteis de antecedência sobre a data da partida.


Vacinas: A vacina contra a Febre-amarela é obrigatória. Poder-lhe-á ser solicitado um certificado de vacinação e ser impedido o embarque em Portugal.


Informação: O Governo do Quénia decidiu proibir a entrada / utilização de sacos de plástico. Pelo que é expressamente proibido o uso de sacos de plastico ou proteção de roupa em plástico na bagagem. É proibido também a utilização de sacos de plástico para transporte de bens adquiridos antes e durante a estadia no País, como por exemplo os sacos de duty free, supermercado ou pequenas lojas de artesanato. O uso deste tipo de artigos está sujeito a sanções.


Clima: A época das chuvas abrange os meses de Abril - Junho e Outubro - Novembro. Não são de excluir temporais na costa. Os meses mais frios são Julho e Agosto (22º-24º dia e 12º-15º noite, em Nairobi). O resto do ano beneficia de temperaturas médias de 28º-30º. 

 


São Tomé e Príncipe


Documentos: Apresentar passaporte com validade igual ou superior a 3 meses.

Estão isentos de pedido de visto os cidadãos nacionais de Estados-membros da U.E. (apenas espaço Schengen, dos Estados Unidos e ainda os cidadãos que possuam visto para qualquer um dos referidos destinos, desde que a estadia em S. Tomé e Príncipe não exceda as duas semanas.


Vacinas: Para passageiros provenientes de Portugal, a vacina da Febre-amarela não é obrigatória. Apenas será obrigatório para as viagens que compreendam o seu itinerário e estadia em países com risco de infecção desta doença (por exemplo Angola, Brasil…).


Taxas Locais: Taxa Turística de 3€ (valor indicativo) por dia e por turista. A referida taxa deverá ser paga pelo hóspede na ocasião do check-out/liquidação da conta no hotel, e será descriminada na factura/recibo.


Clima: O clima é equatorial, com temperaturas médias anuais entre os 22º e 30º e um índice de humidade de 95%. As estações das chuvas decorrem de Fevereiro a Maio e de Outubro a Dezembro. A estação seca ocorre entre Junho e Setembro.

 


Senegal


Documentos: Apresentar passaporte com validade igual ou superior a 6 meses.

Desde o dia 1 de Maio 2015 não estão a ser exigidos vistos para a entrada  no Senegal, aconselha-se no entanto, na falta de informação oficial, a consulta à Embaixada do Senegal em Lisboa.


Clima: Estação seca: Novembro a Maio, com 24º a 26º no litoral e 40º no interior. Estação das Chuvas: Maio a Novembro, com temperaturas entre os 24º e os 33º.


Vacinas: A vacina contra a febre amarela é obrigatória e são aconselháveis as seguintes: tétano, poliomielite, difteria, meningite, tifóide e hepatite B. A água a ingerir deve ser engarrafada. Fora dos estabelecimentos hoteleiros e restaurantes de bom nível são de evitar as saladas cruas, fruta com casca e outros alimentos crus.

 


Seicheles


Documentos: O viajante deve ser portador de passaporte válido para o período da estada, mas aconselha-se uma validade superior para fazer face a eventuais imprevistos.


Visto: Os cidadãos da União Europeia não necessitam de visto de turismo e apenas necessitam de apresentar, à chegada às Seicheles, os comprovativos da viagem de regresso e do alojamento no arquipélago durante toda a estadia. A duração da estadia permitida sem visto é de 30 dias. 


Vacinas: Obrigatória a vacina contra a Febre Amarela para passageiros oriundos ou em trânsito dos seguintes países: Uganda, Republica do Congo; Angola; Quénia e Etiópia. À chegada ao aeroporto de Mahé terão de ter o seu boletim de vacinas e comprovar a toma da vacina da Febre Amarela.

Comunicado de 13/10/2017: A entrada de passageiros provenientes de Madagáscar está proibida nas Seicheles até nova informação.


Clima: O clima é quente e húmido, com temperatura média anual de 29º C. O período mais frio nas Seicheles ocorre durante a estação das monções de sudeste (maio a setembro) e a estação mais quente durante a monção noroeste (novembro a março). Abril e Outubro são "meses de transição" entre as duas monções, quando o vento é variável. A monção noroeste tende a ser mais quente e mais chuvosa, enquanto que a estação das monções sudeste geralmente é mais seca e fria.

 


Tailândia


Documentos: Apresentar passaporte com validade igual ou superior a 6 meses.


Visto (expedido pela Embaixada da Tailândia ou pelos Consulados de representação) é somente necessário se a permanência no país for superior a 30 dias.


Maya Beach : O Departamento Tailandês dos Parques Nacionais e Conservação da Vida Selvagem e Plantas anunciou o encerramento por tempo indeterminado, da praia de Maya Bay nas Ilhas Phi Phi, para a realização de estudo aprofundado sobre as condições da fauna e flora, controlo ambiental e planeamento de medidas para assegurar a sustentabilidade e recuperação do ecossistema marinho e barreira de coral.


Clima: O clima, sem corresponder às estações do ano em Portugal e salvo em algumas regiões ao norte (casos de Chiang Mai ou Chiang Rai), é prevalentemente sub-tropical, em geral com muito elevada taxa de humidade atmosférica que, em Bangkok, chega frequentemente perto da saturação. A pluviosidade nas regiões centrais e do sul é, contudo, menos intensa que noutras latitudes do Sudeste Asiático. Em Bangkok não ocorre monção. Entre Novembro e Fevereiro, a humidade atmosférica e a temperatura (que, nos meses de Dezembro e Janeiro, se situa entre os 25º c e 30º c), são as mais moderadas do ano. De Março a Junho, o clima é quente e chuvoso, registando-se nos meses de Abril e Maio (os mais quentes do ano) temperaturas entre os 35º c e 40º c. De Julho a Outubro, com maior pluviosidade, a temperatura média de alguns dias pode ainda subir acima de 30º c, sendo o calor mais sentido por efeito do aumento da humidade relativa. Nas regiões do centro e norte, Setembro é o mês mais húmido, com uma precipitação média de 305 mm, e no sul, o mês de Dezembro, com uma precipitação média de 400 mm.


Informações: Nas presentes circunstâncias (Coronavirus), recomenda-se aos viajantes que permaneçam atentos ao constante evoluir da situação, bem como às informações divulgadas nos portais da Direção-Geral da Saúde, do Centro Europeu de Prevenção e Controlo de Doenças (ECDC) e da Organização Mundial da Saúde.


Informamos que o uso de cigarros electrónicos na Tailândia é completamente proibido. O transgressor terá de pagar multa ou até mesmo ser preso. A partir do dia 01NOV17 será proibido fumar na maior das praias da Taiândia. O incumprimento desta nova lei é sancionado com multa de 100.000 bahts, cerca de 2.561 euros, ou um ano de prisão.


Tanzânia


Documentos: Apresentar passaporte com validade igual ou superior a 6 meses.


Visto: O visto pode ser adquirido à chegada ao Aeroporto no destino por um custo de USD 50,00 (aproximadamente 36,60€). Com efeito imediato e sem aviso prévio, as autoridades de imigração da Tanzânia mudaram a forma de lidar com a aquisição dos vistos na chegada. Anteriormente, os vistos podiam ser emitidos online ou na chegada, aguardando numa pequena fila. A partir de hoje, os visitantes que chegam à Tanzânia por meio de aeroportos e fronteiras terrestres sem ter garantido o seu visto com antecedência online terão que passar por um procedimento extenso.

Recomendamos que os viajantes solicitem um visto eletrónico online antecipadamente em www.immigration.go.tz para todas as viagens.

Os pedidos de visto online exigirão mais informações do que a solicitada na chegada e serão emitidos em poucos dias.


Para aqueles viajantes que não desejam ou não têm tempo suficiente para solicitar um visto eletrónico, o novo processo para obter um visto na chegada exigirá as seguintes etapas:

  1. Fila para um número de controlo do governo
  2. Fila para pagar o visto no banco
  3. Fila para ter o visto emitido
  4. Fila de Imigração para verificar o visto

O novo processo pode ser bastante demorado e levar até duas horas até estar concluído. Aplica-se aos viajantes com conexões diretas, tanto por via aérea como por estrada, após chegarem à Tanzânia.

 

Informações dos viajantes necessárias antes da chegada ao destino a serem enviadas pelo consultor de viagens - Parques Nacionais da Tanzânia exigem as seguintes informações no momento da reserva: Nome Completo, Nacionalidade, Data de Nascimento, Género.

 

Taxas de Saída: Dependendo do tipo de bilhete de avião, poderá ter de pagar uma taxa aeroportuária à saída da Tanzânia ou entre Zanzibar e o continente (cerca de 30 USD e 5 USD, respectivamente, embora os preços possam sofrer alterações).


Taxas Locais: A taxa hoteleria de Zanzibar, 1USD por pessoa (adulto e criança) e por noite, será cobrada à chegada aos hotéis, directamente aos clientes.


Clima: Clima quente e húmido no litoral, mais fresco nas zonas altas.


Informações: O Governo da Tanzânia proibiu a entrada / utilização de sacos de plástico. Pelo que é expressamente proibido o uso de sacos de plástico ou proteção de roupa em plástico na bagagem. É proibido também a utilização de sacos de plástico para transporte de bens adquiridos antes e durante a estadia no País, como por exemplo os sacos de duty free, supermercado ou pequenas lojas de artesanato. O uso deste tipo de artigos está sujeito a sanções.

 

 

Tunísia


Documentos: Passaporte recomendado mas não obrigatório se o cliente viaja com um pacote organizado.


Visto: Não é necessário visto para estadias até 90 dias. À chegada aos aeroportos e hotéis, deve-se preencher uma ficha com dados pessoais.

 

Taxa Tunisina Local de Estadia : 1 Dinar (TND)  por pessoa (+12 anos) / por dia em unidade de 2 estrelas. Taxa Tunisina Local de Estadia : 2 Dinar (TND)  por pessoa (+12 anos) / por dia em unidade de 3 estrelas. Taxa Tunisina Local de Estadia : 3 Dinar (TND)  por pessoa (+12 anos) / por dia em unidades de 3 e 4 estrelas. Esta taxa entrou em vigor a 01.01.18.


Clima: Clima de tipo mediterrânico no Norte, semidesértico no Centro e Sul. No litoral, o clima é temperado (30º em média, de Abril a Setembro).

 


Turquia


Documentos: Os cidadãos portugueses necessitam apenas de apresentar os respetivos bilhetes de identidade/cartão de cidadão, não é obrigatório passaporte.


Visto: Para estadias inferiores a 90 dias e por motivos turísticos o visto não é obrigatório. Para estadias superiores a 90 dias, o visto é obrigatório e os passageiros  terão que solicitar um visto electrónico antes da chegada a Turquia. Pode ser adquirido através do sistema electrónico e-Visa (www.evisa.gov.tr), podendo o pagamento ser efectuado com cartões de crédito ou débito.

Quando for solicitada a data de emissão do cartão do cidadão deverá ser indicada a data de validade do mesmo contando 5 anos para trás.


Clima: O Inverno é ameno nas costas do Egeu e do Mediterrâneo. Contudo, no planalto central da Anatólia, o Inverno é mais rigoroso, registando-se temperaturas negativas e frequentes nevões, nos meses de Novembro a Fevereiro. Nos meses de Junho a Setembro, sobretudo na costa mediterrânica, as temperaturas são bastante elevadas.

 


Qatar


Documentos: O visto não é obrigatório, sendo emitida à chegada uma permissão que permite permanecer em território do Qatar por um período de 90 dias. Destina-se a visitas curtas ( turismo/negócios) e não permite trabalhar. Deve assegurar-se, antes de viajar, que o seu passaporte tem uma validade superior a 6 meses após a data de entrada no país e, no mínimo, 2 páginas em branco.


Clima: Temperaturas muito elevadas (podem ultrapassar os 50º C) de Maio a Outubro, agravadas por taxas de humidade da ordem dos 80%.



As presentes informações não têm natureza vinculativa, funcionam apenas como indicações e são susceptíveis de alteração a qualquer momento.

 

Para informações detalhadas sobre outros países por favor consulte:

https://www.portaldascomunidades.mne.pt/pt/conselhos-aos-viajantes


Para download: Notas Importantes sobre os destinos

Política de Cookies

Este site usa cookies próprios e de terceiros, de modo a proporcionar-lhe uma melhor experiência e serviço. Ao clicar em "Aceitar", autoriza o uso de cookies. Pode, no entanto, alterar a configuração de cookies sempre que pretender.

Política de cookies